English — Español — 中文 —  Deutsch — Français — Italiano — 日本語 — 한국어 — русский — Português

 

Ao escrever o itinerário da sua experiência, é importante criar um cenário detalhado para que seus hóspedes saibam exatamente o que esperar ao participar. 

A seção O que faremos na página da experiência deve (1) comunicar exatamente como a experiência irá decorrer (2) deixar claro aos hóspedes como eles participarão e/ou interagirão durante sua experiência. 

Confira aqui alguns erros comuns e as melhores práticas:

 

Erros comuns

O itinerário é vago e genérico

Exemplo do que evitar: 

“Vou ensinar você a criar coquetéis na cozinha da sua casa usando técnicas, ferramentas e ingredientes simples que podem ser encontrados facilmente em um supermercado ou loja da sua região”

O que há de errado nesse exemplo?

Nesse exemplo, não está claro que tipo específico de coquetéis os hóspedes farão ou como a experiência como um todo ocorrerá do início ao fim.

Uma versão melhor seria parecida com esta:

“Vou ensinar você a criar margaritas picantes de mescal na cozinha da sua casa usando técnicas, ferramentas e ingredientes simples que podem ser encontrados facilmente em um supermercado ou loja da sua região.

Primeiro, vamos falar um pouco mais sobre a história do mescal e da região de Oaxaca, no México. Em seguida, vamos fazer os coquetéis juntos, passo a passo. Depois que terminarmos, disponibilizarei instruções detalhadas para você impressionar seus amigos no próximo jantar.”

 

Oferecer aos hóspedes várias opções de atividades diferentes

Exemplos do que evitar:

 

    • “Dependendo do interesse do hóspede, os passeios podem incluir caminhadas, trilhas, passeios de bicicleta ou os três.” 
  • “A escolha dos passeios é a seguinte: (1) Trilha para uma cachoeira (2) Enseadas secretas e passeio histórico pelo vilarejo ou (3) Passeio de bicicleta por uma região histórica da barragem”

 

Em vez de oferecer várias opções de atividades diferentes e não relacionadas, mantenha-se fiel a um tipo de atividade ou tema para cada experiência. Os hóspedes devem saber exatamente o que esperar ao reservar sua experiência, e oferecer opções torna os planos incertos. 

Nos exemplos acima, o itinerário permite que os hóspedes escolham entre atividades completamente não relacionadas, como caminhadas ou ciclismo. 

Embora não haja problema em fazer algumas pequenas personalizações com base nas preferências específicas do grupo (como nível de habilidade, equipamentos, etc.), elas devem ser baseadas em um único tema ou atividade claramente explicado.

 

O itinerário fica completamente a critério do hóspede

Exemplo do que evitar:

Vamos cozinhar! Usaremos ingredientes simples, e darei instruções passo a passo de como preparar a refeição perfeita. Você me diz o que gostaria de fazer, e eu mostro como cozinhar uma refeição inesquecível!”

A melhor opção é manter uma única atividade ou tema com um plano claro e conciso.  Os hóspedes querem confiar na capacidade do anfitrião de criar uma experiência organizada e bem pensada. 

Evite deixar o itinerário completamente a critério do hóspede — em qualquer evento, os grupos podem ter interesses conflitantes, e os hóspedes devem saber o que esperar logo na chegada. 

No exemplo acima, uma parte muito grande do itinerário fica em aberto para os hóspedes decidirem. 

 

Melhores práticas

Defina claramente seu itinerário do início ao fim

Excelente exemplo: airbnb.com.br/experiences/1691219 

“Esta experiência começará comigo falando sobre meu conhecimento, minha trajetória pessoal e paixão por plantas. Depois, vou orientar a turma pelas etapas apropriadas para a propagação de plantas em ambientes internos. Isso não incluirá jardinagem ao ar livre ou plantas comestíveis. 

Vou apresentar a vocês os vários tipos de plantas visualmente e com explicações — como ficus lyrata, costela-de-adão, suculentas e cactos — e a melhor maneira de podá-las. Depois, discutiremos quais vasos funcionam melhor para colocá-las, o quanto de água precisam e com que frequência essa água precisa ser reposta. 

Também falaremos sobre como fazer a transição do corte para a água e depois para o solo, após as raízes se desenvolverem. Por último, terminaremos com uma sessão de perguntas para abordar detalhes que possam ter se perdido durante a aula.”

Pode ser útil usar uma estrutura de narração para criar um cenário detalhado do que seus hóspedes devem esperar do início ao fim. No exemplo acima, o começo, o meio e o fim são destacados de forma clara e detalhada, para que os hóspedes saibam exatamente o que esperar. Lembre-se de que não há apenas uma maneira de escrever um itinerário assim. Este é um ótimo exemplo de itinerário que usa uma estrutura dividida em tópicos em vez de um parágrafo padrão.

 

Em sua experiência, mantenha-se fiel a um tipo de atividade ou tema

Excelente exemplo: airbnb.com.br/experiences/1654079 

Conto histórias e apresento minhas próprias composições no violão com vocais de jazz. Minha música é indie-folk com um toque de blues. Eu também abro espaço para perguntas sobre música, criatividade ou como é viver na Islândia. Após 7 anos como guia de turismo, me tornei especialista em orientar os hóspedes em uma jornada que conecta a música e minha vida à cultura islandesa e suas tradições locais peculiares… 

Todos os meses, haverá um novo programa para que você volte e aproveite a experiência novamente com novas músicas e histórias.

ABRIL DE 2020

Canções e histórias sobre a Islândia, criatividade e minha avó sueca.

MAIO DE 2020

Canções e histórias sobre Nina Simone, Berlim e minha avó islandesa.”

Tente manter um tipo de atividade ou tema em vez de oferecer várias opções desconexas para os hóspedes escolherem. No exemplo acima, o tema é uma apresentação musical intimista em uma casa islandesa. Pequenas personalizações também são aceitáveis. Nesse caso, a anfitriã também oferece um rodízio de seleções de música a cada mês, para que os hóspedes saibam exatamente o que aguardar ao reservarem a experiência durante um mês específico.

 

No geral, ter um itinerário claro e preciso não só facilita o processo de envio da experiência, mas também é fundamental para que ela tenha sucesso.